sexta-feira, setembro 30, 2011


Morreu hoje o ex-deputado federal Antonio Ueno

0


Morreu hoje (30/9), Antônio Ueno, aos 88 anos, o presidente de Honra da Câmara do Comércio e Indústria Brasil Japão do Paraná e ex-deputado federal pelo Paraná por oito mandatos consecutivos.
O corpo será cremado neste sábado, às 16 horas, em São Paulo, capital.


ANTONIO UENO - PFL
Iosio Antonio Ueno
Nascimento: 3/8/1923
Profissães: Economista, Bacharel em Direito e Empresário
Filiação: Ionezo Ueno e Kikue Ueno
Legislaturas: 1967-1971, 1971-1975, 1975-1979, 1979-1983, 1983-1987, 1987-1991, 1991-1995 e 1995-1999.
Mandatos Eletivos:
Vereador, 1955-1959, Assaí, PR, PSD; Vereador, 1959-1963, Assaí, PR, PSD; Deputado Estadual, 1963-1967, PR, PDC; Deputado Federal, 1967-1971, PR, ARENA. Dt. Posse: 01/02/1967; Deputado Federal, 1971-1975, PR, ARENA. Dt. Posse: 01/02/1971; Deputado Federal, 1975-1979, PR, ARENA. Dt. Posse: 01/02/1975; Deputado Federal, 1979-1983, PR, ARENA. Dt. Posse: 01/02/1979; Deputado Federal, 1983-1987, PR, PDS. Dt. Posse: 01/02/1983; Deputado Federal (Constituinte), 1987-1991, PR, PFL. Dt. Posse: 01/02/1987; Deputado Federal, 1991-1995, PR, PFL. Dt. Posse: 01/02/1991; Deputado Federal, 1995-1999, PR, PFL. Dt. Posse: 01/02/1995.
Licenças:
Licenciou-se do mandato de Deputado Federal, na legislatura 1967-1971, para Tratar de Interesse Particular, no período de 20 de abril a 15 de maio de 1970; para Tratamento de Saúde de 12 a 19 de junho de 1970 ; e para participar de campanha eleitoral, de 22 a 26 de junho, e de 20 a 24 de julho de 1970.
Filiações Partidárias:
PSD, 1955-1962; PDC, 1963-1965; ARENA, 1966-1979; PDS, 1980-1985; PFL, 1986-.
Atividades Profissionais e Cargos Públicos:
Membro da antiga junta administrativa do IBC.
Estudos e Graus Universitários:
Economia, Fac. de Ciências Econômicas, Ribeirão Preto, SP, 1953; Direito, UFRJ, Rio de Janeiro, 1965.
Seminários, Conferências e Congressos:
Participante: XXII Congresso Médico de Londrina, 02 a 09/09/1967; 2º Congresso Nacional do Café, Curitiba, PR, 1968; V Exposição Agropecuária e Industrial de Londrina, 13 a 21/04/1968; VII Exposição Agropecuária e Industrial de Londrina - IV de Âmbito Nacional - 04 a 12/04/1970; VIII Assembléia Geral da Organização Mundial de Turismo, Paris, França, 08/1989; 8º Simpósio Econômico Brasil-Japão, Londrina, PR, 10/1989; 16º Congresso Internacional de Pequenas e Médias Empresas, São Paulo, SP, 22 a 26/10/1989;
Atividades Parlamentares:
ASSEMBLÉIA NACIONAL CONSTITUINTE:
Subcomissão da Ciência e Tecnologia e da Comunicação, da Comissão da Família, da Educação, Cultura e Esportes, da Ciência e Tecnologia e da Comunicação: Suplente, 1987; Subcomissão de Princípios Gerais, Intervenção do Estado, Regime da Propriedade do Subsolo e da Atividade Econômica, da Comissão da Ordem Econômica: Titular, 1987.


CONGRESSO NACIONAL:
COMISSÕES MISTAS: incumbida de examinar a legislação cafeeira e estrutura do IBC: Membro, 1968; PL 25/68, que fixa os efetivos dos Oficiais dos Corpos e Quadros da Marinha de Guerra e dá outras providências: Membro, 1968; Mensagem 23/71, que submete ao CN o texto do DL 1156/71, que dispõe sobre a prestação dos serviços de propriedade industrial e dá outras providências: Membro, 1971; Mensagem 53/71, que submete ao CN o texto do DL 1176/71, que dispõe sobre a regularização das situações fiscais decorrentes da legislação salineira e dá outras providências: Membro, 1971; PLC 2/71, que regula o art. 69 da Constituição e dá outras providências: Membro, 1971; Mensagem 22/72, que submete ao CN o texto do DL 1209/72, que concede aumento de vencimentos aos funcionários do Poder Judiciário da União e do DF e dá outras providências: Membro, 1972.
Comissão Parlamentar Conjunta do MERCOSUL: Suplente, 1995-1996.


CÂMARA DOS DEPUTADOS:
COMISSÕES PERMANENTES: Agricultura e Política Rural, Titular, 1967, 1971-1972, e Suplente, 1975-1976, 1980-1987, 1989-1994 e 1995-1999; Defesa Nacional, Suplente, 1990; Economia, Indústria e Comércio, Suplente, 1967, 1971-1972 e 1989-1990; Interior: Suplente, 1979; Orçamento, Suplente, 1967, 1971-1972; Relações Exteriores, Titular, 1975-1976 e 1979-1987, 1989-1991, 1991-1994 e 1995-1997, e Terceiro-Vice-Presidente, 1995; Relações Exteriores e de Defesa Nacional: Titular, 1975, 1979-1983, 1997-1999; Serviço Público, Suplente, 1989-1990.
COMISSÕES ESPECIAIS: Desenvolvimento da Região Sul: Vice-Presidente, 1976-1977, Presidente, 1977-1978, e Membro efetivo, 1975; Valorização da Fronteira Sudoeste: Suplente, 1967; PEC nº 5/95, Empresa Brasileira: Suplente, 1995; PEC nº 14/95, Período de Funcionamento do Congresso Nacional: Suplente, 1997-1999; PEC nº 39/89, Altera Arts. 14 e 82: Suplente, 1992; PEC nº 82/91, Altera Art. 29: Suplente, 1992; PEC nº 128/95, Acumulação de Cargos - Odontólogo: Suplente, 1996-1999; PEC nº 472/97, Altera Arts. 48, 62 e 84, Edição de Medida Provisória: Suplente, 1998-1999; PL nº 5.430/90, Legislação sobre Direitos Autorais: Suplente, 1997.
COMISSÕA EXTERNAS: Prostituição Infantil e Escravidão de Menores na Fronteira com o Paraguai: Suplente, 1997.
CPI: Comercialização do Café: Membro, 1981; Direitos Autorais: Suplente, 1995; Legislação Cafeeira: Membro, 1968; Produtos Farmacêuticos de Uso Veterinário: Vice-Presidente, 1967-1968.
CONSELHOS, FRENTES E GRUPOS PARLAMENTARES E OUTROS:
Grupo Parlamentar Brasil-Coréia, Presidente, 1995-1998; Grupo Parlamentar Brasil-Japão, Secretário-Geral, 1988-1990, e Presidente, 1988-1990 e 1995-1998.
Condecoraçõoes:
Medalha do Sol Nascente, Segundo Grau, Governo japonês; Ordem do Mérito Cultural, Governo da Província de Hyogo, 1995.
Missões Oficiais:
Delegado à Conferência da Organização Internacional do Café, Londres, 1965 e 1967; Emissário Especial do Governador para assinatura do Convênio de Amizade e Cooperação Econômica entre o Governo do Estado do Paraná e a Província de Hyogo, Japão; Representante da Câmara dos Deputados na Exposição Agropecuária e Industrial de Londrina, PR, 1970; Missão Parlamentar em Visita ao Japão, a convite do Presidente da Casa dos Representantes da Dieta Nacional Japonesa, 10/1972; Chefe da Missão Econômica Oficial do Governo do Estado do Paraná em viagem ao Japão, 1973-1974; Viagens ao Japão em Missão Econômica e Cultural, 1976; Membro, Delegação de Parlamentares Brasileiros em visita ao Japão, 1977; Missão Cultural ao Japão, de 01 a 15/04/1980; Missão Cultural ao Japão, de 01 a 15/04/1981; Missão Cultural ao Japão, 05/1984; Missão Cultural ao Japão, 04/1985; Delegado do Grupo Parlamentar em Missão Oficial ao Japão, de 26/06 a 09/07/1987; Missão Cultural ao Japão, 04/1988; Missões Culturais no Japão, fevereiro e abril de 1989; Chefe da Missão Econômia do Paraná ao Japão, de 02 a 27/04/1990; Missão Cultural ao Japão, Semana Cultural e Econômica Paraná/Hyogo, de 21 a 26/05/1990; Presidente do Grupo Parlamentar Brasil-Japão, na Cerimônia de Entronização do Imperador Akihito, Tóquio, Japão, 05 a 19/11/1990; Missão Cultural ao Japão, de 16/09 a 11/10/1991; Viagem ao Japão, de 13/10 a 13/11/1992; Viagem à Holanda, de 10 a 24/12/1992; Viagem ao Japão, de 30/08 a 24/09/1993; Viagem ao Japão, de 26/11 a 10/12/1993; Viagem ao Japão, de 15/11 a 10/12/1994; Integrante da comitiva presidencial para participar das comemorações do Centenário do Tratado de Amizade, Comércio e Navegação entre Brasil e Japão, Tóquio, 1995; Vice-Chefe da comitiva do Presidente da Câmara dos Deputados, em viagem ao Japão, 1996; Representante da Câmara dos Deputados: na II Reunião da Comissão Brasil-Coréia para o Século XXI, Seul, Coréia, 1997; e na XXVII Missão Econômica do Estado do Paraná ao Japão, 1998.

Fonte:Biografia dos Parlamentares( Câmara dos Deputados)






IVONÉIA FURTADO SERÁ MESMO CANDIDATA A PREFEITA POR MANDAGAURI

0
Ex-prefeita Maria Inês Botelho, Dep. Fed. Edmar Arruda, Ivonéia Furtado

    A ex-vereadora e atuante enfermeira Ivonéia Furtado é dona de uma popularidade e simpatia que tem sido um verdadeiro magnetismo na atração aos eleitores de Mandaguari. Desde a  saída da câmara de vereadores para disputar o último pleito eleitoral como candidata a prefeita, nunca abandonou o seu posto, permaneceu firme na sua atividade profissional, o que tem facilitado o contato com o povo. "Sendo que é a contrapartida das pessoas que me coloca firme na convicção de que serei a próxima prefeita de Mandaguari", afirmou a enfermeira.
Se levado em consideração o avanço político e a ascendência das mulheres nos mais diversos segmentos da sociedade, Ivonéia Furtado parece estar trilhando no rumo certo. Filiada ao PMN e ligada ao grupo político da ex-prefeita Maria Inês Botelho, teve uma atuação muito importante na eleição do ano passado, ajundando a eleger  Edmar Arruda (Dep. Federal-PSC) e Dr. Batista (Dep. Estadual–PMN).Fato que continua credenciando Ivonéia como uma liderança forte na cidade e alvo dos outros candidatos a prefeito que a querem como vice.
Além do apoio  dos Deputados que ajudou a eleger o grupo de Ivonéia vai sedimentado outras conquistas e engrossando a fileira de pessoas para através do voto tomar posse na prefeitura de Mandaguari. Lembrem-se todos, IVONÉIA está nas ruas, não subestimem a força feminina.

Governo pediu a suspensão da propaganda de Gisele Bündchen

0
Fonte: Blog do Joaquim de Paula

A Secretaria de Políticas para Mulheres do governo federal pediu ao Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) a suspensão do campanha publicitária “Hope ensina”, que traz a modelo Gisele Bündchen mostrando a “melhor maneira” de contar más notícias ao marido.
Primeiro, Gisele aparece usando roupas normais para falar, por exemplo, que bateu o carro. A estratégia é classificada como “errada” e em seguida a forma “correta” é mostrada: a modelo repete a notícia, usando apenas lingerie. “Você é brasileira, use seu charme”, conclui a peça publicitária, que está no ar desde o último dia 20.
A secretaria afirmou que recebeu, por meio da ouvidoria, diversas manifestações de indignação contra a peça. Foram enviados dois ofícios –um ao Conar, pedindo a suspensão da propaganda, e outro ao diretor da Hope Lingerie, Sylvio Korytowski, manifestando repúdio à campanha.
Para a secretaria, “a propaganda promove o reforço do estereótipo equivocado da mulher como objeto sexual de seu marido e ignora os grande avanços que temos alcançado para desconstruir práticas e pensamentos sexistas”.
A Secretaria de Políticas para Mulheres também diz acreditar que o comercial reforça a discriminação contra a mulher, o que infringe a Constituição Federal.
E você, caro leitor, acha que esse vídeo tem algo errado?

quinta-feira, setembro 29, 2011


COMERCIANTES DEVEM PAGAR A CONTA DO MONITORAMENTO COM CÂMERA NAS RUAS DE MANDAGUARI

0

      O Conselho de Segurança de Mandaguari em parceria com a ACEMAN (Associação Comercial e Empresarial de Mandaguari), tiveram a iniciativa do monitoramento com câmera em ruas da cidade para o melhor desempenho da segurança em pontos estratégicos do nosso comércio. A ACEMAN, já adquiriu duas câmeras que  estão instaladas, e pelo visto tem a intenção de ampliar o número para 25. O monitoramento deverá ser feito por quatro funcionários que serão contratados para a função e atuará dentro da delegacia de polícia.
         ENI 4195
                                                                        Foto:Site da Pref. Mun. de Mandaguari


 É do conhecimento de todos que a idéia saiu das mentes brilhantes do pessoal da ACEMAN e já tramita na Câmara de Vereadores, com questionamentos da população. Pois são os munícipes que terão que incluir no orçamento mais um imposto se quiser receber a melhoria. Agora resta saber, se os bairros da cidade receberão essa cobertura do monitoramento com câmera.
O investimento em segurança é sempre bem-vindo, mas a Câmara de Vereadores de Mandaguari certamente terá o senso na hora da aprovação da lei direcionando o ônus aos comerciantes e aos empresários, que serão os beneficiados. Afinal este filho saiu das costelas da ACEMAN.

Ex-presidente Lula recebe na Polônia Prêmio Lech Walesa de 100 mil dólares

0
        ( ADAM NURKIEWICZ/AFP)

VARSÓVIA - O ex-presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva recebeu nesta quinta-feira (29/9), em Gdansk (norte da Polônia), um prêmio criado por Lech Walesa, líder histórico do sindicato polonês Solidariedade.

O prêmio de 100 mil dólares, acompanhado por um diploma e uma medalha, que foi entregue em uma cerimônia exibida pela televisão, foi atribuído a Lula para recompensar "sua ação em favor de um entendimento pacífico e de uma cooperação solidária entre os povos", segundo um comunicado da Fundação Lech Walesa, Prêmio Nobel da Paz em 1983 e ex-presidente da Polônia (1990-1995). "Em outra época escolhemos caminhos opostos entre o socialismo e a economia de mercado", recordou Walesa durante a cerimônia.

"Na Polônia, nós consideramos que não havia uma terceira via, que agora tampouco existe, mas então não tínhamos alternativa. Atualmente o capitalismo está aqui, mas acredito que não tem o sabor esperado", declarou Walesa. "Naquela época, vocês estava equivocado, mas agora é você que tem razão (...). O que hoje nos parece bom e bonito, talvez amanhã não seja", acrescentou o ex-presidente polonês.

Ao agradecer o prêmio, o ex-presidente brasileiro destacou as muitas semelhanças entre Lech Walesa e ele: ambos nasceram em famílias modestas, não puderam estudar e assumiram espontaneamente o comando de movimentos de protesto antes de chegar aos maiores cargos em seus respectivos países. "Nós, cada um a sua maneira, enfrentamos desafios para transformar nossos países no espírito da democracia e do diálogo", afirmou Lula, que propôs que o valor de seu prêmio seja doado a um país africano a ser escolhido pelos diretores do Instituto Lula junto aos membros da fundação polonesa.

O primeiro-ministro polonês, Donald Tusk, que participou na cerimônia, também elogiou Lula. "Temos a honra de nos inclinarmos ante o homem que para mitos de nós prolongou este grande sonho que nós tornamos realidade e do qual Lech Walesa foi e continua sendo o símbolo", afirmou.

O prêmio anual Lech Walesa, criado em 2008, pretende "recompensar os que militam a favor do entendimento e da cooperação solidária dos povos, em nome da liberdade e dos valores do movimento Solidariedade".



Fonte: Correio Braziliense

quarta-feira, setembro 28, 2011


O Desespero de José Mujica

0
Tendo recebido a notícia no seu país das recentes medidas do Governo Dilma, que aumenta a cobrança de IPI para carros importados.O presidente do Uruguai, José Mujica, telefonou no último final de semana à colega brasileira, Dilma Rousseff, relatando os problemas que seu país enfrentaria com a medida. O país vizinho seria atingido porque os veículos lá produzidos não conseguem alcançar o nível de conteúdo local exigido nem pelo Mercosul (60%) nem pelo novo decreto do governo brasileiro (65%). Então, como uma boa mineira, Dilma orientou a equipe econômica que abrisse uma exceção ao Uruguai. Agora, os carros montados país vizinho poderão ser vendidos ao Brasil sem a alíquota maior. Dilma e Mujica constroem, vai com atitudes assim sedimentando uma relação franca, no interesse do bom comércio na zona do Mercosul. 

Evo Morales na corda bamba.

0
Em virtude da construção de uma rodovia que corta o parque nacional (o Tipnis), na Bolívia e atinge terras indígenas (base social e política de Morales) com 80% do financiamento do Brasil, via BNDES. Mas o grande problema é a repressão aos indígenas contrários à rodovia, que já derrubou cinco funcionários do alto escalão do governo de Morales. ONGs ambientalistas e de direitos humanos estrangeiras instigam e mobilizam os indígenas contra a obra que seria a porta de saída de produtos agrícolas brasileiros com direção ao Pacífico. Em em meio a situação Evo Morales fica na corda bamba, é a crise política que tem que enfrentar em nome do desenvolvimento e do progresso. 

META DA INFLAÇÃO 4,5%

0
Ao falar no Senado ontem sobre a política monetária e de controle da inflação, o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, ratificou que o governo Dilma vai manter a aposta de trazer a inflação para o centro da meta (4,5%) a partir da queda dos juros, convencido que está de que a crise internacional derrubará o preço das commodities, levando a economia mundial à desinflação. Sintonizado com as diretrizes do Palácio do Planalto, sem que isso signifique perda de autonomia, o Banco Central mostra-se à vontade com a direção tomada pela equipe econômica. 

KASSAB FINALMENTE ALIVIADO

0
O Tribunal Regional Eleitoral fez por 6 votos a 1 deu a luz ao novo partido de Gilberto Kassab, o PSD. Apenas o ministro Marco Aurélio votou contra. O PSD nasce de discidência do DEM - dos 40 deputados federais já do PSD, 17 são do DEM, que deixa de ser a sexta bancada da Câmara. Da decisão da Justiça Eleitoral ainda cabe recurso ao STF. O Democratas, autor da ação julgada ontem no TSE, disse que vai recorrer ao Supremo. Ou seja, os novos peessedês podem até ser eleitos, mas só Deus  sabe se poderão assumir os cargos eventualmente conquistados nas próximas eleições. 

terça-feira, setembro 27, 2011


Paraná alcança superávit de R$ 2,28 bilhões nas contas públicas

0
O superávit primário apurado no fechamento do segundo quadrimestre é 19% maior que o do mesmo período de 2010. O balanço financeiro foi apresentado na Assembleia Legislativa pelo secretário da Fazenda, Luiz Carlos Hauly. De um orçamento previsto de R$ 26 bilhões, o governo já realizou 61,45%, ou R$ 16 bilhões





Richa e bancada federal se unem
por mais recursos para o Paraná

O governador apresentou aos parlamentares uma relação de projetos prioritários para o Paraná que podem ser incluídos no orçamento do governo federal para 2012. São R$ 681 milhões para investimentos na melhoria da infraestrutura de transporte e logística, educação, saúde e segurança pública.



Governo cria grupo de trabalho
para tratar da remuneração de PMs


Formado por representantes de seis áreas do governo, o grupo recebeu do governador Beto Richa a missão de elaborar um anteprojeto regulamentando a Emenda 29/2010, que inclui na Constituição do Estado a previsão de remuneração por subsídio aos integrantes da Polícia Militar. A proposta deverá estar concluída em 60 dias.


Agência de noticias do Paraná



segunda-feira, setembro 26, 2011


Entrevista com Chefe da Casa Civil, Durval Amaral

0
Entrevista com Deputado Estadual e Chefe da Casa Civil Durval Amaral, dia 25 de setembro, no campo do MEC em Mandaguari, durante a final do campeonato de futebol "Taça Durval Amaral".

EntrevistacomDurvarAmaral by odneserblog

CÂMARA DE VEREADORES QUE AUMENTARAM CADEIRAS PARA A LEGISLATURA 2013-2016

0
     

A legislação federal apontou para as câmaras municipais a possibilidade do aumento da suas representatividades, o que não se constituiu uma obrigação, ficando a critério de cada câmara municipal alterar a lei orgânica do município e votar o aumento da representatividade. A maioria das câmaras de vereadores, dançaram sob a orquestração da imprensa que coagiu a maioria dos vereadores a agirem de forma não muito racional. É indiscutível que o aumento da representatividade é benéfico. Para aqueles que votaram preocupados com o aumento do gasto público, deveriam optar, pelo achatamento dos salários e incluirem as novas cadeiras para a próxima legislatura.
Tem vereador que vai lamentar em outubro do ano que vem o fato da decisão esdrúxula que tomou.
Interessante o detalhe, a maioria dos municípios que optaram pelo aumento das cadeiras nas câmaras municipais, são municípios mais politizados.




Veja alguns dos municípios que já aumentaram o número de vereadores:


Carambeí – de 9 para 11

Cascavel – de 15 para 21

Ponta Grossa – de 15 para 23

Guarapuava – de 12 para 21

Jaguariaíva – de 9 para 13

Laranjeiras do Sul – de 9 para 13

São José dos Pinhais – de 14 para 21

Francisco Beltrão – de 10 para 15

Telêmaco Borba – de 10 para 13

Campo Mourão – de 10 para 13

Almirante Tamandaré – de 11 para 15

BRILHO DE DILMA ROUSSEFF INCOMODA LULA

0
O ex Presidente Luis Inácio Lula da Silva diante do espaço ocupado por  Dilma no plano Internacional, tem ficado pra lá de incomodado. O episódio mais recente que aguçou a veia política do pernambucano, foi o fato da Presidente Dilma Rousseff ter discursado com êxito na ONU e em encontros com chefes de estado nos Estados Unidos.
Fatos que parecem ter causado um certo desconforto à Lula, que abriu as comportas e despejou uma avalanche de críticas ao FMI, por ter reduzido as projeções de crescimento para o Brasil.  E como se ainda fosse o timoneiro da embarcação, o ex presidente continua apontando caminhos para o Brasil enfrentar a crise.



Ficha Limpa nas eleições de 2012 ainda é dúvida

0
Considerada o principal avanço no combate à corrupção na política e aprovada no Congresso após forte mobilização popular, a validade da Lei da Ficha Limpa nas eleições municipais do ano que vem ainda não está garantida. Isso porque o STF (Supremo Tribunal Federal) ainda precisa julgar se a nova lei fere ou não a Constituição.

A Ficha Limpa impede a candidatura de políticos que já foram condenados em 2ª instância em decisões colegiadas, ou seja, quando o réu recorre do resultado do primeiro julgamento na Justiça estadual ou nos tribunais de contas e é condenado por um grupo de desembargadores ou ministros.

Entretanto, dois pontos polêmicos ainda precisam ser analisados. Os ministros terão que decidir se as normas podem ser aplicadas de forma retroativa para políticos que já exercem mandatos e se a nova lei fere o princípio da presunção de inocência por tomar como base condenações em 2ª instância, quando, pela legislação brasileira, ainda é possível recorrer nos tribunais superiores.





O PESSOAL DA FIFA NÃO ESTÁ DE BRINCADEIRA

0

A Lei Geral da Copa do Mundo está envolvida com questão que pode entornar o caldo da Fifa e complicar a Copa de 2014. Enquanto os dois maiores partidos da base alidada de Dilma PT e PMDB brigam para relatá-la no Congresso,a coisa vai se complicando por outro lado, da Suíça, a Fifa deixa transparecer que não está gostando nada do texto, que tem tudo a ver com o planalto. Segundo os cartolas da FIFA, o projeto hora em questão foi alterado e muito, divergindo em vários pontos anteriormente já acertado no governo de Lula.  E a poderosa Fifa já mandou o seu recado: se o congresso votar o projeto com as alterações estapafúrdias, o Brasil corre o risco de não sediar o evento. Os Congresso ainda vi mexer na Lei, e a CBF já acionou o pessoal do lobby para não deixarem insatisfeitos os coroas que comandam o futebol mundial.E a presidente Dilma, turrona como é, vai endurecer o jogo, principalmente na questão da meia entrada para idosos (Blatter, um senhor de mais de 70 anos, não admite este ponto) e no impedimento do comércio de bebida alcoólica nos estádios. Vai ser outro rolo, briga de gente grande, para ficar assistindo de camarote. 
 
A FIFA quer dinheiro. Um dos problemas para ela é o fato de o Brasil não revogar, durante os jogos, o direito a meio ingresso de estudantes e idosos. O pais não pode revogar suas leis por causa de uma Copa, sobretudo quando representam direitos adquiridos, concorde-se ou não com eles.

A FIFA deveria considerar algumas coisas. A lei das licitações foi mudada por causa da Copa. O Código Florestal ganhou, no Senado, um dispositivo que permite desmatar com mais facilidade, para facilitar obras da Copa.
A Copa não vai bem. E os instrumentos de controle do rumo parecem desligados. Por que não reagir enquanto há tempo? A decisão de não ceder à FIFA direitos adquiridos foi correta. É preciso avançar com as idéias que protejam o país, evitar o “depois da Copa, o dilúvio”.


MARTA SUPLICI VAI PARA A DISPUTA COM HADDAD

0
Recentemente, logo após discurso da presidente Dilma Rousseff na Assembleia-Geral das Nações Unidas, a Senadora Marta Suplici rasgou eleogios em seu artigo "Protagonismo feminino", na "Folha de S.Paulo".  Elogiando a fala de Dilma Rousseff  sob a perspectiva das mulheres. Destacou o avanço que o gênero feminino vem alcançando, no Brasil e no mundo, mas reconhece que muito há a ser feito. Mais a senadora bateu na "cangalha para o burro entender" ditado nordestino, não só  enalteceu Dilma, porém, quis deixar a sua mensagem porque  luta por uma vaga de candidata à Prefeitura de SP com o ungido de Lula, Fernando Haddad. E a senadora mostra que, se não tem uma "cara nova" para concorrer em 2012, como exige o ex-presidente, seu discurso e sua trajetória, com certeza, são muito atuais. Ela conclui assim seu texto: "Como vemos, o momento é de alegria e de esperança, mas de muito trabalho pela frente". Colocando sua candidatura na perspectiva das mulheres, para ela só não há alegria ainda, mas "esperança e muito trabalho pela frente". Marta tem a têmpera de Dilma: não se enverga, e lutará até o fim pela vaga.

SUCESSÃO PARA PREFEITURA DE SÃO PAULO

0
                    
A sucessão de Gilberto Kassab na Prefeitura de São Paulo deixa na expectativa tanto o povo como toda a imprensa, em função da disputa de candidatos inexperientes. Onde a cena  está sendo  marcada pela entrada  de  jovens sem tradição política, que certamente usarão padrão de estética exigido pela sociedade pra de alguma forma atrair o eleitor. Apresentando os seus books aos partidos Fernando Haddad (PT) e Gabriel Chalita (PMDB),  jovens que sabem de alguma forma transitar. E ainda no mesmo ritmo fashion, o Governador Geraldo Alckmim apadrinha o tucaninho Bruno Covas, moço de 31 anos e neto do saudoso tucano Mário Covas. O trio mostra nitidamente pela história de vida que são desprovidos de experiência eleitoral. Só que três peso pesado das urnas trabalharão na surdina para elegê-los: Lula, Michel Temer e Alckmin. Se as candidaturas derem certo, a eleição à prefeitura paulistana será uma passarela de jovialidade.

domingo, setembro 25, 2011


DURVAL AMARAL É HOMENAGEADO EM MANDAGUARI

0


    O Chefe da Casa Civil Deputado Estadual, Durval Amaral esteve neste domingo(25/09) em Mandagauri, onde foi  homenageado por     correligionários do DEMOCRATAS e PMDB. A homenagem se deu         durante a manhã,  o  Chefe da Casa Civil esteve no campo do MEC, estadio que sediou as competições, inclusive  o encerramento da Copa Durval Amaral. Sendo que a equipe Cocari/Employer foi a campeã,tendo como prêmio uma moto 0KM  mais  R$ 2.500,00  e  a equipe vice campeã, Police/Lumiblok levou o prêmio de R$ 1500,00, a equipe do Jd. Boa Vista  (Mercado Tavares) ficou com o  prêmio  de  R$ 500,00. O  Paulinho da equipe  do  Jd. Boa Vista,  artilheiro da copa  Durval  Amaral foi premiado com um aparelho de DVD. O goleiro menos vazado foi o Leonardo da equipe Police/lumiblok.
  Em seguida o Deputado e Chefe da Casa Civil foi recepcionado por um grupo expressivo de pessoas no Restaurante Patota da Pedreira, em almoço oferecido pelo Empresário Marquinhos e Vice Presidente do Democratas de Mandaguari, numa maneira bem mineira de dar as boas vindas aos novos filiados do Partido Democratas. O ajuntamento de pessoas esteve representado por diversas autoridades da cidade e da região. Esteviveram presentes também o Prefeito de Sabáudia Almir Batista e o Prefeito de Mandaguaçu ,Ismael Ibraim Fouani.
                 
Benedito-detran (DEM), empresário Marquinhos Vice Presidente (DEM), Chefe da Casa Civil Durval Amaral (DEM), Delgado, Valdemar Polles 1º Suplente de Vereador e Radialista (PP), Ari Stroher (PMDB) e Vereador Nilton Botti  (DEM).  


Ex-Prefeito Ari Stroher, Chefe da Casa Civil Durval Amaral, Prefeito de Sabáudia Almir Batista, Benedito do Detran e Empresário Marcos Daniel (Prorelax).

Chefe da Casa Civil Durval Amaral e o Empresário Marcos Daniel da Prorelax


Chefe da casa Civil sendo entrevistado por Marcelo Batista e Riccieri
Chefe da Casa Civil Durval Amaral, Vice Presidente do Democratas Marquinhos e Sindicalista Noel Pires Viana 
                   
       Composição da mesa:Marquinhos, Dep.Durval Amaral, Charles Moia, Nilton Botti, Vereadora Adenise, Vereador Roque, Sargento Elídio, Ari stroher, Dr.    
         Favoreto e o Zebra
Pr. Ezequiel e esposa Igreja Batista e Reginaldo Estevam e esposa

Prof. Lopes e ex verador Jorge Hamessi

Pr. Clóvis e esposa (Igreja do Evangelho Quadrangular


                                                  Pastora Marta da Assembléia de Deus- Madureira  e obreira

Prof. José, Radialista Marcelo Batista e o Comerciante Pai-Pum

                                      Radialista e 1º Suplente de vereador Valdemar Polles, Zebra e amigos











                 

sexta-feira, setembro 23, 2011


POR QUE OS CORREIOS ESTÃO EM GREVE?

0

A conclusão da votação do projeto que privatiza os Correios, abrindo o capital da empresa para os especuladores imperialistas, ocorreu no dia 31 de agosto. Para aprovar este ataque contra os quase 110 mil trabalhadores da empresa e todos os cidadãos brasileiros, o governo Dilma Rousseff aplicou vários golpes.
Em primeiro lugar, colocou o projeto de privatização no mesmo texto que tratava de regras para a fiscalização de biocombustíveis. Temas sem nenhuma relação.
O objetivo era fazer com que a privatização não ganhasse destaque e, desta forma, ajudasse o ocultamento do projeto pela imprensa capitalista.
                                                                         
Em segundo lugar, o Projeto de Lei de Conversão (nome que a Medida Provisória 352 ganhou no Senado) foi aprovada em tempo recorde. Chegou ao Senado no dia 25 de agosto e, em menos de uma semana, no dia 31, já estava aprovada.
Mas não parou por aí. Por fim, os senadores realizaram apenas uma votação simbólica sobre o tema. O procedimento adotado foi o seguinte: primeiro, foi realizada uma votação sobre os pressupostos constitucionais do projeto de Lei de Conversão (PLC); um método adotado para verificar se a medida tem “relevância” e “urgência”, uma necessidade para uma Medida Provisória que chega ao Senado sem ser submetida à votação.
Nesta votação, foi aprovado que o PLC possuía pressupostos constitucionais. Depois disso, foi realizada uma votação simbólica onde apenas os líderes das bancadas se manifestaram. O resultado foi a aprovação do projeto que privatiza os Correios às escondidas, sem que a população que votou nos senadores soubessem o posicionamento destes sobre a questão. Ou seja, não é um regime político onde a população controla o governo, mas um sistema onde o governo age em defesa de uma minoria e contra os interesses da maioria.
Toda esta manobra foi realizada porque o governo Dilma Rousseff e os capitalistas sabem da impopularidade das privatizações, em particular da empresa dos Correios. Uma estatal presente em todos os municípios brasileiros e utilizados por praticamente toda a população.
A manobra também revela a política do Bando dos Quatro de colaboração com a privatização. Durante todo este processo, PCdoB-PT-Psol-PSTU ou negaram que havia a intenção de privatização ou chamaram os trabalhadores a depositarem suas confianças nos deputados e senadores, pois o projeto supostamente poderia ser barrado no Congresso Nacional. Desta forma, colocaram nas mãos das bancadas do DEM e do PSDB, aqueles que promoveram a maior onda de privatizações que o país já assistiu, a missão de barrar a privatização. Uma enorme traição aos trabalhadores, pois esta política foi uma das justificativas para boicotarem as campanhas em defesa das reivindicações dos trabalhadores, como as campanhas salariais e contra a privatização.
                                                                                        
Um balanço político da traição do Bando dos Quatro, um complemento do golpe do governo, deve servir como base para as futuras ações da categoria ecetista e, de uma forma mais ampla, para a luta contra as privatizações que o governo Dilma pretende colocar em prática no próximo período.
Ao contrário do que defende a burocracia sindical, a luta contra a privatização não acabou. Para entregar os Correios aos capitalistas será preciso aplicar na empresa as medidas para prepará-la para os especuladores lucrarem com os serviços oferecidos. Entre estas medidas estão a terceirização, demissões de milhares de trabalhadores, sucateamento da empresa etc.
Neste sentido, é preciso continuar a campanha e a luta contra a privatização dos Correios mobilizando toda a categoria e a população contra mais este ataque do governo do PT.



Mandaguari tem várias obras em andamento

0


                        
                              Calçamento com pedras irregulares na Vila Palma


Diversas obras em várias regiões da cidade estão em pleno andamento e a todo vapor em Mandaguari. São ações da Prefeitura em conjunto com os governos Estadual e Federal, que levam benefícios para a população.
No setor de infraestrutura, o asfaltamento da Rua Dom Pedro II, que será o prolongamento da nova perimetral, idealizada para desafogar o trânsito da Avenida Amazonas e criar um novo eixo econômico para a cidade. Na Vila Palma, o projeto de calçamento comunitário, está levando pedras irregulares para todo o bairro.
Na área da educação, a nova escola do Jardim Boa Vista está bastante adiantada e as três novas salas de aula da Escola Municipal Walter Antunes Pereira, na região dos Cinco Conjuntos, já estão prontas para serem inauguradas. Já a super creche do Jardim Boa Vista, que está em fase de acabamento, será entregue à comunidade no próximo ano para atender cerca de 180 crianças.
Na saúde, a reforma e ampliação do PAM (Pronto Atendimento Municipal), uma antiga reivindicação da população, está em andamento e dará mais espaço, higiene e conforto para os contribuintes que necessitarem de atendimento de emergência.

VALDEMAR POLLES: COM MAIS ESTILO E COMUNICAÇÃO

0

Com aproximadamente 30 anos no ar, Valdemar Polles, radialista e 1º Suplente de verador em Mandaguari, agora aparece com mais estilo e comunicação. Com a perda irreparável do monstro sagrado da comunicação sertaneja (Nhô Belo), todos esperavam que ficaria uma lacuna nos bastidores da comunicação caipira. E foi o Polles que lá na outra emissora deu conta do recado, preenchido o vazio deixado pelo radialista que falecera. E o que é mais surpreendente atingindo picos de audiência, nunca em patamares inferiores alcançados por seu antecessor (Nhô Belo).
Hoje atuando no novo prefixo 1.130 Khz da Rádio Ingamar de propriedade de Celso Martini,ex-prefeito de Marialva é mais que notória a valorização da nova casa ao excelente profissional que é o Polles. Que tem afirmado com muita convicção: “Que trabalhará com profissionalismo, pois saberá honrar o que Deus tem feito a ele, e fará tudo o que for possível para que a contrapartida seja uma grande audiência na sua programação diária que é da 05:00 às 08:00 hs”, e afirmou ainda que externa agradecimentos à família Martini pela grande oportunidade.



DILMA TEM AS RÉDEAS DA BASE ALIADA NAS MÃOS.

0
Emenda 29 sem recriação da CPMF: aprovada no Plenário da Câmara; Código Florestal: aprovado na Comissão de Constituição e Justiça do Senado; Comissão da Verdade: aprovada no Plenário da Câmara; medida provisória dos tablets (com jabutis): aprovada no Plenário do Senado; e Ana Arraes no TCU: aprovado o nome na Câmara, e chancelado no Senado. O que todas essas votações têm em comum? Foram realizadas nesta quarta-feira, todas elas matérias polêmicas, que se arrastavam no Congresso, algumas por 12 anos, como a Emenda 29 e o Código Florestal. Mas, como num passe de mágica, acabaram aprovadas sem grandes tumultos. Todas estas votações revelaram um governo novamente com as rédeas de sua base aliada nas mãos. Ponto para Dilma, que ao contrário do que fazia seu antecessor, não precisou xingar nem a imprensa nem os adversários para aprová-las, trabalhando mineiramente para virar o jogo no Congresso.

DIVA PELEGRINO MARTINI É CANDIDATA A PREFEITA DE MARIALVA

0
 É do conhecimento de todo cidadão Marialvense o patrimônio político acumulado em meio aos anos pela família, Martini. Vindo de outra cidade e tendo  estabelecido-se  em Marialva como sindicalista, aos poucos o jovem Celso Martini foi conquistando o seu espaço. E em curto espaço de tempo, aproximadamente dois anos na cidade galgou posições almejadas e privilegiadas. Tendo ocupado a posição de chefe do executivo municipal por 3 mandatos, em todos os quadrantes da cidade enxerga-se as marcas indeléveis de suas obras.
Hoje com a bagagem política adquirida arquiteta projetos ousados, quer fazer da sua querida esposa a Prefeita de Marialva e ir aos poucos pavimentado o caminho que fará dele o Prefeito de Mandaguari. E perguntada sobre a sua candidatura, afirmou Dnª Diva:”A mulher hoje, ocupa um espaço em todos os setores da sociedade, e como mulher não posso ficar omissa ao compromisso que tenho com o povo querido da minha cidade. A vez é das mulheres, temos aí muitas mulheres assumindo postos de destaques; a Presidenta Dilma, várias ministras de estado, a Presidenta da Argentina, a primeira ministra da Alemanha e tantas outras. E nós iremos surfar nesta onda, nada poderá nos submergir. Porque a mão de Deus tem sido na nossa vida. E com a ajuda de Deus e o voto da nossa gente, serei a Primeira Prefeita eleita de forma retumbante da história de Marialva.”


Diva Pelegrino Martini e Celso Martini

Diva Pelegrino Martini - futura prefeita de Marialva
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...